Manipulação Visceral

A Manipulação Visceral é uma técnica manual suave e não invasiva, capaz de identificar as áreas de restrição e mau funcionamento dos órgãos internos e corrigir estas restrições. A vida e o movimento estão intimamente ligados. Todo o ser vivo encontra-se em movimento constante e o funcionamento dos órgãos internos depende deste movimento: o bater do coração, o movimento da respiração, a contração dos intestinos, etc.

A harmonia dos órgãos depende da regulação deste movimento e quando algo não funciona bem, zonas de tensão anormais são criadas afetando órgãos internos, estruturas envolventes e mesmo estruturas distais.

Nesta terapia o corpo dá-nos a indicação do que devemos tratar e respeitando esta indicação não há risco de magoar o paciente. As patologias de órgãos internos irão beneficiar diretamente desta técnica, e indiretamente beneficia-se também as estruturas associadas, por exemplo uma aderência à volta de um pulmão. Iria criar uma modificação do eixo de movimento que por sua vez iria obrigar as estruturas em seu redor a adaptações anormais e gerar dores na coluna, nos ombros, etc. O stress também afeta negativamente a função dos órgãos. A Manipulação Visceral irá estimular e influenciar positivamente os mecanismos naturais do corpo humano a libertar os efeitos negativos do stress nos órgãos e a melhorar a sua função e movimento.

As técnicas de avaliação e correção usadas neste sistema trabalham em sintonia com os movimentos rítmicos dos órgãos regulando movimentos, libertando aderências e muitas vezes reposicionando órgãos em situações pós trauma e pós cirurgia.